quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

MODO TEXTO : ALIADO OU VILÃO? - Parte III

Olá á todos como estão hoje?

Bem dando sequencia aos nossos trabalhos, vamos ver então a etapa final da pré-configuração para iniciarmos nossa instalação em modo SILENT ou via RESPONSE File.

Espero que se divirtam.


INSTALANDO LIBRARIES PARA O ORACLE 10g RELEASE 2


Para que nosso software de banco de dados seja bem suportado pelo nosso sistema operacional e necessário que instalemos as bibliotecas ( libraries ), que podem ser instaladas de maneira customizada durante a instalação do S.O ou podemos simplesmente instala-las depois em um momento mais oportuno vejam :

Coloque o CD no seu servidor, navegue até o seguinte diretório "/media/Enterprise Linux dvd 20100405/Server", aqui você encontrará todos os pacotes disponiveis na distribuição.

 
INSTALANDO AS LIBRARIES

Feito a navegação até o diretório, execute os seguintes comando na sua janela términal:

rpm -Uvh setarch-2*
rpm -Uvh make-3*
rpm -Uvh glibc-2*
rpm -Uvh libaio-0*
rpm -Uvh compat-libstdc++-33-3*
rpm -Uvh compat-gcc-34-3*
rpm -Uvh compat-gcc-34-c++-3*
rpm -Uvh gcc-4*
rpm -Uvh libXp-1*
rpm -Uvh openmotif-2*
rpm -Uvh compat-db-4*
 


Após executar os comandos de RPM as libraries iram ser instaladas uma a uma, aguarde até que tenha terminado tudo, essa tarefa é ADMINISTRATIVA e deve ser executada com o superuser ROOT.

CRIANDO USUARIOS E GRUPOS PARA O ORACLE

Estamos agora na etapa de criação de outra parte correspondente ao Oracle, aqui criaremos usuário , grupos e definiremos senhas para os usuários criados.

Abaixo usamos os comandos GROUPADD para adicionarmos 3 grupos distintos que serão usados pelo Oracle.E criamos então os seguintes grupos :

  • oinstall
  • dba
  • oper
 


CRIANDO USUARIO ORACLE E DEFININDO SENHA

Criados os respectivos grupos, é o momento de criar o usuário que ira controlar nosso software de banco de dados e seus respectivos programas, por padrão o usuário criado é "oracle" , porém você pode usar o nome que quiser, desde que atenda aos demais requisitos e sejam editados todos arquivos de configuração onde estiverem usando oracle como usuário.

A adição do usuário é feita através do comando "USERADD" os parametros "-g" e "-G" são para determinas na ordem de prioridade os grupos aos quais este usuário ficará amarrado. 

Chegou o momento então de definir uma senha , use a sintaxe "PASSWD" + USUARIO, e quando lhe for solicitado entre com seu password duas vezes.



LOGANDO COM USER ORACLE

Efetue um switch de user, passando a logar-se agora com o ORACLE e não mais com o ROOT como anteriormente, veja na imagem abaixo que eu usei o comando "LS -LA", isso nos mostrará os arquivos com atributos especiais, que com um simples LS não podem ser vistos, arquivos estes do tipo .BASH_PROFILE, que carrega as principais diretrizes de localização e nomenclatura Oracle.
 

EDITANDO ARQUIVO DE PROFILE

Usando o editor de sua preferencia, navegue até o diretório "/home/oracle" e edite o arquivo ".bash_profile" :




Adicione ao arquivo as seguintes entradas :

# Definicoes para Oracle Database 10g R2
TMP=/tmp; export TMP
TMPDIR=$TMP; export TMPDIR

ORACLE_BASE=/u01/app/oracle; export ORACLE_BASE
ORACLE_HOME=$ORACLE_BASE/product/10.2.0/db_1; export ORACLE_HOME
ORACLE_SID=DBGUARD; export ORACLE_SID
ORACLE_TERM=xterm; export ORACLE_TERM
PATH=/usr/sbin:$PATH; export PATH
PATH=$ORACLE_HOME/bin:$PATH; export PATH

LD_LIBRARY_PATH=$ORACLE_HOME/lib:/lib:/usr/lib; export LD_LIBRARY_PATH
CLASSPATH=$ORACLE_HOME/JRE:$ORACLE_HOME/jlib:$ORACLE_HOME/rdbms/jlib; export CLA
SSPATH

if [ $USER = "oracle" ]; then
  if [ $SHELL = "/bin/ksh" ]; then
    ulimit -p 16384
    ulimit -n 65536
  else
    ulimit -u 16384 -n 65536
  fi
fi
 

Salve o arquivo e saia do editor.
 
O SOFTWARE DE BANCO DE DADOS.

Efetuadas as fases de preparação vamos então instalar o produto, na minha VM que usei para este tutorial eu estou com a versão 10g Release 2 - 64bits, vocês podem achar as versões para Download neste link abaixo :

Download Banco Oracle

Os downloads do site da Oracle requerem que você tenha no minimo uma conta criada para que seja efetuado o login e validado o download de qualquer softare escolhido, use o adequado ao seu versionamento de sistema operacional e prossiga.


Notem acima que eu ja transferi meu download para o meu diretório "/u01/downloads", porém ele vem em forma de GZIP com CPIO, se você não é familiarizado com estas extensões, não se preocupe, primeiro faça :

  1. chmod 777 nome do arquivo
  2. gunzip nome do arquivo
  3. cpio -idmv < nome do arquivo
Feito estes passos a extração irá começar, pode levar alguns minutos mas é bem rapido. 




Espere até que a extração atinja este ponto mostrado na tela acima, indicando que chegou ao final com sucesso, caso ocorram alguns erros, sugiro que efetue um novo download so software e tente mais uma vez.
 

Depois de extrair o software é necessário que façamos uma pausa em nosso processo para criar um arquivo muito importante para a instalação usando RESPONSE FILE, é a criação do arquivo ORAINST.LOC, localizado no diretório "/etc".

Esta tarefa deve ser realizada com o superusuário ROOT, portanto ainda logados com o oracle executem :

  • su - root
  • entrar com o password
  • cd /etc
  • vi oraInst.loc
Como demonstro na figura abaixo e adicionem as duas linhas abaixo :
  
inventory_loc=/u01/app/oracle/oraInventory
inst_group=oinstall



Alterem o proprietário deste arquivo , passando-o para o dominio do usuário Oracle, através do comando CHOWN ( Change Owner) e setando as permissões correspondentes a este.


O ARQUIVO DE RESPOSTA ( Response File ).

Voltem ao usuário Oracle, e naveguem até o diretório onde ocorreu a extraçaõ do software de Banco de Dados, dentro do diretório DATABASE ha um sub-diretório chamado "/response", como mostro abaixo, e dentro dele temos os seguintes files listados na imagem : 


Evitem editar diretamente do diretório este arquivo, façam uma cópia de segurança do mesmo, e trabalhem com ele em separado para que não haja problemas de não ter mais uma matriz sem sujeiras de edição. Veja na figura abaixo :

 


O CONTEUDO DO ARQUIVO DE RESPOSTAS

Após copialo para um local seguro edite-o com seu editor preferido, ele tem um conteudo muito extenso, colocarei abaixo um trechinho apenas :

####################################################################
## Copyright(c) Oracle Corporation 1998,2005. All rights reserved.##
##                                                                ##
## Specify values for the variables listed below to customize     ##
## your installation.                                             ##
##                                                                ##
## Each variable is associated with a comment. The comment        ##
## identifies the variable type.                                  ##
##                                                                ##
## Please specify the values in the following format:             ##
##                                                                ##
##         Type         Example                                   ##
##         String       "Sample Value"                            ##
##         Boolean      True or False                             ##
##         Number       1000                                      ##
##         StringList   {"String value 1","String Value 2"}       ##
##                                                                ##
## The values that are given as need to be       ##
## specified for a silent installation to be successful.          ##
##                                                                ##
##                                                                ##
## This response file is generated by Oracle Software             ##
## Packager.                                                      ##
####################################################################


RESPONSEFILE_VERSION=2.2.1.0.0

#------------------------------------------------------------------------------
#Name       : UNIX_GROUP_NAME
#Datatype   : String
#Description: Unix group to be set for the inventory directory.
#Example    : UNIX_GROUP_NAME = "install"
#------------------------------------------------------------------------------
UNIX_GROUP_NAME="oinstall"

#------------------------------------------------------------------------------
#Name       : FROM_LOCATION
#Datatype   : String
#Description: Complete path to the products.xml.
#Example    : FROM_LOCATION = "../stage/products.xml"
#------------------------------------------------------------------------------
FROM_LOCATION="/u01/downloads/database/stage/products.xml"

#------------------------------------------------------------------------------
#Name       : NEXT_SESSION_RESPONSE
#Datatype   : String
#Description: Optionally specifies the full path of the next session's response
#             file. If only a file name is specified, the response file is
#             retrieved from the /oraInstall directory. This variable is
#             only active if NEXT_SESSION is set to true.
#Example: NEXT_SESSION_RESPONSE = "nextinstall.rsp"
Este arquivo contem todas as opções que vocês veem visualmente quando disparam o ./runInstaller a partir de um Linux com servidor X no ar, porém aqui estamos lidando com ele na sua forma original, ou seja como a engenharia o desenvolveu, aqui você tem total controle do que o instalador fará, ele possui muitos parametros, mais os que vocês devem atentar são :

  • FROM_LOCATION="/u01/downloads/database/stage/products.xml"
  • ORACLE_HOME="/u01/app/oracle/product/10.2.0/db_1"
  • ORACLE_HOME_NAME="OraHome10gR2"
  • s_nameForDBAGrp="dba"
  • s_nameForOPERGrp="oper"
  • n_configurationOption=3
  • s_dbSid=DBAGUARD

Maravilha, editado o arquivo , salve-o e vamos chama-lo com o intalador do Oracle, navegue de volta ao diretório /DATABASE da extração, e chame a linha de comando seguinte :

./runInstaller -silent -responseFile nome do arquivo editado por você

A instalação irá iniciar, uma porção de checks seão feitas, logo asseguir ele informa onde esta o LOG desta instalação caso você precise rever algo.



Tendo inicio a instalação ele faz mais uma porção de checks e validações, e mostra um sumário dos produtos a serem instalados, como eu usei o response da versão Enterprise, ele instalara todos os recurosos nela existentes.

Perfeito, chegamos ao ponto que ele começa a instalação como na figura acima.

Acabada a fase de instalação é mostrado em porcentagem um pequeno indice do processo, e na sequencia se inicia o LINK dos binarios Oracle com as Libs do S.O.


Finalizada  aparte de INSTALL terá inicio a parte de SETUP, onde os componentes de banco estão sendo pre configurados para que possamos usa-los futuramente.

Chegamos ao final, e como ocorre no WIZARD ele pede que loguemos com o usuário ROOT para a execução do script "root.sh". Vamos proceder então, abra uma janela em paralelo logue com ROOT e chame o script de acordo como ele mostra.



BINGO!!!! Terminamos nossa instalação tecle enter nas opções pedidas pelo arquivo ROOT.SH e teremos terminado. Volte a janela onde estava rolando a instalação e tecle ENTER para sair.

Vejam o teste básico para sabermos se obtivemos sucesso, entraremos no SQLPLUS um aplicativo do Oracle :



Parabéns a todos que chegaram até este ponto sem problemas!!!
Fico por aqui por hoje, espero que tenham gostado, volto em um próximo artigo para explicar a criação do Banco via RESPONSE FILE também.

Abraço á todos!!!

Sucesso Sempre!!!!