terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Oracle Business Intelligence (OBIEE) - Marinheiro de Primeira Viagem. ( Parte III )



Olá á todos, como estão? 

Antes de mais nada gostaria de desejar á todos um excelente Ano Novo, que este ano possa ser muito benefico para todos os profissionais, amigos e frequentadores deste pequeno canal de comunicação sobre tecnologia Oracle.

Agradeço á todos também pela colaboração via e-mail, comentários ou até mesmo diretamente via MSN, GTALK e etc.

Bem, vamos dar sequencia a nossas atividades, falaremos agora sobre a criação dos METADADOS para utilização do BUSINESS INTELLIGENCE ( OBIEE ), para tal utilizaremos um software de apoio chamado RCU ( Repository Creation Utility ).


ADQUIRINDO O SOFTWARE PARA RCU.

Naturalmente, como foi dito acima será necessário que tenhamos o software para a criação do repositorio dos metadados do BIEE ( RCU), para que isso seja possivel devemos então realizar o download gratuito deste software no site da Oracle, através do link abaixo :

DOWNLOAD RCU - Repository Creation Utility






Notem acima na imagem que temos 2 (duas) opções para download do produto, uma é para plataformas Microsoft e outra Linux, como de costume, não se preocupem pelo fato de não haver uma versão especifica em arquitetura 64-Bits, pois ainda não foi desenvolvido, e estes que estão disponiveis para download funcionam perfeitamente em plataformas 64-Bits, pois estamos trabalhando em ordem de grandeza, do menor para o maior, se fosse o inverso poderiamos ter alguns pequenos probleminhas de compatibilidade.

CRIANDO O REPOSITORIO DO OBIEE

Após a execução do download do produto, descompacte o mesmo em qualquer pasta que desejar, caso utilize o padrão ele ira criar uma pasta chamada "RCUHOME", um detalhe importante sobre o RCU é que ele não necessariamente precisa ser descarregado diretamente na sua VM e nem precisa ser da mesma versão do S.O da sua VM, tanto faz baixa-lo para Windows como para Linux, tanto faz executa-lo a partir da sua máquina HOST como diretamente da sua VM, porém é necessário que sua VM esteja em plena comunicação com a sua máquina HOST caso deseje executa-lo a partir desta.





A imagem acima mostra a pasta onde foi descompactado o software, e também o executável do RCU que se chama "rcu.bat" localizado no caminho "[PATH]\bin\", dependendo do local onde você preferiu descompacta-lo haverá uma pasta BIN que conterá os executaveis do produto.


Feito isso vamos roda-lo e verificar como é a "cara" do produto, certifique-se antes de mais nada que sua base de dados que irá armazenar seu repositório do OBIEE já se encontra online e disponivel.




Uma vez com seu banco pronto vamos executar o RCU.



Acima podemos ver a primeira etapa da execução da criação do repositório, a principio é como a maioria dos instaladores dos produtos Oracle, com pré-validação de requisitos e os passos a serem seguidos para a criação com sucesso de um repositório.


Clicando em "Próximo" nós podemos verificar que já aparecerá a opção de criarmos ou eliminarmos um possivel repositório que já exista.

Obs.: Há casos em que por alguma razão o repositório possa vir a apresentar algum erro na sua criação, ou que por alguma razão a nomenclatura usada para os repositórios que veremos a frente, não satisfaz as exigencias do projeto e que por isso se faz necessário sua recriação antes de dar andamento as atividades, nesses casos nós iremos utilizar a opção de ELIMINAR pois se optarmos por fazer uma eliminação através de DROP USER vários erros serão apresentados, pois no momento da criação do repositórios pequenas amarrações junto ao dicionário serão criadas. Portanto utilizem-se sempre da ferramenta tanto para criar quanto para eliminar.



Após selecionarmos nossa opção será apresentada a tela onde devemos entrar com as informações do ambiente onde será criado nosso repositório, tais como :
  • hostname ou IP
  • numero da porta de conexão
  • nome do serviço 
  • usuário de conexão
  • senha do usuário
Feito isso clique no botão "Próximo".



Será apresentado uma caixa de dialogo com as fases da "Pré-Validação de Requisitos", algo simples mas que pode por ventura apresentar erros caso haja algum impecilio entre as maquinas de Banco e de onde o RCU esta sendo executado, uma vez que não ocorra nenhum erro nem mensagem de Warning, basta aguardar o término da validação.



Eis então que chegamos a tela onde os produtos serão escolhidos, notem que há uma gama muito grande de produtos da área de Middleware que requerem repositórios de metadados para que possamos trabalhar com eles, aqui iremos usar o "Oracle Business Intelligence", marquem esta opção, uma vez escolhido atentem para o campo de entrada localizado na parte superior da tela onde ha um prefixo que deve ser definido. Este prefixo nada mais é do que o radical dos owners que serão criados no seu banco de dados que por sua vez conterão os objetos que utilizaremos com a ferramenta do BIEE. Escolha o prefixo que mais se adapta as suas necessidades, note também que ao clicar no Oracle Business Intelligence uma opção de METADATA SERVICES é automaticamente marcada que leva o sufixo de MDS, é um padrão pois neste esquema que será criado também teremos objetos necessários para nossas tarefas em BIEE. 


Clicando em "Próximo", mais uma caixa de validação de requisitos é apresentada, aguarde e ao término clique em OK.


A próxima tela é para definirmos uma senha para cada esquema que foi préviamente definido , podemos optar por usar senhas individuais ou senhas comuns como de costume em muitas instalações, isso fica ao critério de cada um e de acordo com as definições que sua empresa ou projeto exigirem. Uma vez de posse dessas informações clique em "Próximo".



Na próxima tela será apresentada as tablespaces padrões que o próprio instalador do RCU criará para cada esquema, a nomenclatura das mesmas é uma mistura do prefixo definidio anteriormente com a sua finalidade, não ha necessidade de alteração quanto a isso, exceto se houverem exigencias de projeto ou desejo do administrador em manter padronizado este tipo de criação para futuras manutenções e etc. Caso não haja objeções basta clicar em "Próximo".


Uma caixa de dialogo será apresentada com um pedido de confirmação para as informações que foram escolhidas anteriormente.



Após clicar em OK aguarde a criação das Tablespaces.


Uma janela será apresentada com as informações que escolhemos desde o momento em que foi definido o prefixo do usuário, as opções marcadas no RCU e etc. Ciente dessas informações e se estiver de acordo com todas basta que cliquemos em "CRIAR".


Outra caixa dialogo será apresentada aguarde o término da criação do repositório de dados do OBIEE.


Pronto, mais uma etapa vencida, já temos nosso repositório criado e operante em nosso banco de dados. Clique em "Fechar".



Vejam acima a janela SQL que mostra nossos esquemas devidamente criados em nosso database.


Bem pessoal, por hoje ficamos por aqui, volto em um próximo artigo onde começaremos a instalação e configuração da ferramenta do Business Intelligence, espero que tenham gostado até aqui, por favor comentem assim que lerem os artigos, deixem suas opiniões.


Abraço á todos!!!


Sucesso Sempre!!!